Você tem algum hobby? Saiba por que é tão importante ter um!

A palavra Hobby vem do inglês e significa passatempo. Ou seja, é aquela atividade feita por vontade própria por pura satisfação, divertimento, relaxamento, lazer e prazer. Saiba por que é tão importante ter um!




Válvula de escape


Psicólogos recomendam que ter um hobby é fundamental para aliviar as tensões e estresse do dia a dia. O hobby é um escape da realidade, dos problemas do cotidiano. E uma ótima oportunidade para você se voltar para si mesma.

Quando estamos fazendo algo que gostamos nossos níveis de endorfina e serotonina, neurotransmissores responsáveis pela felicidade, aumentam.


Tipos de hobby


Um hobby pode ser cozinhar, fotografar, ler, assistir a filmes, correr, tocar algum instrumento musical, escrever, pintar ou qualquer outro tipo de arte, de atividade física, ou outra atividade feita para gerar prazer.


Relacionamentos são mais saudáveis para casais que têm hobbies


Hobbies são importante também dentro dos relacionamentos, onde preservar a individualidade de cada um é fundamental para manter a "sáude" do relacionamento. É preciso ter um tempo só para si e dar ao parceiro um tempo só para ele, e fazer um hobby é uma oportunidade para isso.


Deixar seus hobbies para trás é deixar a si mesma - experiência própria


Sei que com a vida corrida e as responsabilidades que vamos adquirindo ao longo dos anos, acabamos deixando de lado muitas coisas que gostávamos de fazer.

Eu, por exemplo, amava ler e escrever, e quando entrei para a faculdade de Medicina comecei a ter cada vez menos tempo para essas atividades. Minhas leituras foram se resumindo a pouquíssimos romances por ano e muitos livros técnicos. A escrita foi posta para escanteio. E sabe o que aconteceu? Acabei me deixando de lado ao deixar para trás coisas de que eu gostava.


Eu tive Síndrome de Burnout e ter hobbies me ajudou a me curar


Para quem ainda não sabe, em 2014 adoeci de "Síndrome de Burnout". Um esgotamento físico e psíquico provocado por trabalho excessivo e desgastante. Não ter tido uma válvula de escape naquela época, contribuiu para isso.

Logo que comecei a me tratar, além da psicoterapia e de diminuir minha carga horária, voltei a fazer coisas que gostava, como ler mais e voltar a escrever. Também me propus aprender algo novo, algo que eu sempre tive vontade e nunca tinha arrumado tempo: tocar violão.


Meus hobbies mantêm minha sanidade mental


Hoje meus dois grandes hobbies são a leitura e o violão, já que a escrita deixou de ser apenas um hobby para se tornar minha profissão. Hoje sou médica oftalmologista e escritora de romances, contos e crônicas. A escrita, apesar de hoje ser um trabalho, é uma tarefa que me dá muito prazer, além de me transportar para outras realidades, fazendo-me esquecer temporariamente dos problemas do dia a dia, e isso tem garantido minha sanidade mental em meio a rotina louca que levo de mãe, esposa, dona de casa, escritora e médica.


Tenha um hobby!


Se você também foi deixando para trás aquelas coisas que mais gostava de fazer, está na hora de resgatá-las. Tenha um hobby! Também sugiro que busque aprender algo novo, além de ser gostoso e desafiante, é um grande estímulo para nosso cérebro.


Convido você a ler meu romance “Um ano sabático” que aborda muito o que escrevi aqui hoje. Se você já leu, convide alguma amiga sua para conhecer essa história. Clique aqui para adquirir o romance.


Beijos e até semana que vem!

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags